No 3º dia de cerco, polícia passa a ocupar o Conjunto do Alemão

Após oito dias de confrontos entre traficantes e policiais no Rio de Janeiro, as forças de segurança ocuparam neste domingo (28), terceiro dia de cerco, o Conjunto de Favelas do Alemão, um dos mais importantes redutos de criminosos da cidade. A ação coordenada de 2.700 homens das polícias Civil, Militar, Federal e do Exército assumiu o controle da comunidade em menos de duas horas, conseguindo prender 30 suspeitos de envolvimento com o tráfico e apreender mais de 10 toneladas de drogas e dezenas de armas - tudo isso sem entrar em um longo confronto aberto, e deixando apenas uma vítima (conta feita até por volta das 17h; para atualizações, leia as últimas notícias sobre os confrontos no Rio).
A operação deste domingo teve início logo nas primeiras horas da manhã. Pouco depois das 7h, os policiais já se reuniam e organizavam a ocupação, com apoio de veículos blindados e helicópteros. A ação começou de fato às 8h, com "força máxima", segundo o comandante do Batalhão de Operações Especiais (Bope), da Polícia Militar, tenente-coronel Paulo Henrique Moraes, em menos de uma hora a Polícia Civil dizia ter "dominado" o Alemão.

Fonte: JN

Comentários