terça-feira, 24 de outubro de 2017

O QUE É BULLYING?

Bullying é uma situação que se caracteriza por agressões intencionais, verbais ou físicas, feitas de maneira repetitiva, por um ou mais alunos contra um ou mais colegas. Mesmo sem uma denominação em português, é entendido como ameaça,  opressão, intimidação, humilhação e maltrato. 

POR QUE OCORRE?
O bullying pode ocorrer em qualquer contexto social, como escolas, universidades, famílias, vizinhança e locais de trabalho. O que, à primeira vista, pode parecer um simples apelido inofensivo pode afetar emocional e fisicamente o alvo da ofensa.
Em alguns casos extremos, o bullying chega a afetar o estado emocional do jovem de tal maneira que ele pode optar por soluções trágicas, como o suicídio.

QUEM FAZ?
Quer ser mais popular, sentir-se poderoso e visa obter uma boa imagem de si mesmo. Isso tudo leva o autor do bullying a atingir o colega com repetidas humilhações ou depreciações. 
Todo bullying é uma agressão, mas nem toda  agressão é classificada como bullying;

TIPOS DE BULLYING
O Bullying é praticado de diversas maneiras e a gravidade depende também do comportamento de sua vítima. Como exemplo, sua ação pode ser:
Física: empurrar, socar, chutar, beliscar, bater;
Verbal: apelidar, xingar, insultar, zoar;
Material: destroçar, estragar, furtar, roubar;
Moral: difamar, disseminar rumores, caluniar;
Psicológica: ignorar, perseguir, amedrontar, dominar, manipular, ameaçar, discriminar, ridicularizar;
Sexual: assediar, induzir e/ou abusar; e
Virtual: divulgar imagens, criar comunidades, enviar mensagens, invadir a privacidade (cyberbullying – bullying praticado por meio da internet e de celulares, geralmente de forma anônima).

COMO PERCEBER QUANDO UMA CRIANÇA OU ADOLESCENTE ESTÁ SOFRENDO BULLYING?
Na escola - No recreio encontram-se isoladas do grupo, na sala de aula apresentam postura retraída.
Em casa - frequentemente se queixam de dores de cabeça, enjoo, dor de estômago, tonturas, vômitos, perda de apetite, insônia. Mudanças frequentes e intensas de estado de humor, com explosões repentinas de irritação ou raiva;

O ALUNO VÍTIMA DE BULLYING NORMALMENTE CONTA AOS PAIS E PROFESSORES O QUE ESTÁ ACONTECENDO?
As vítimas de bullying se tornam reféns do jogo do poder instituído pelos agressores;
Agem assim, dominadas pela falsa crença de que essa postura é capaz de evitar possíveis retaliações dos agressores;

QUAL É O PAPEL DA ESCOLA PARA EVITAR O BULLYING ESCOLAR?
A direção da escola (como autoridade máxima da instituição) deve acionar os pais, os Conselhos Tutelares, os órgãos de proteção à criança e ao adolescente.
Caso não o faça poderá ser responsabilizada por omissão. Em situações que envolvam ato infracionais (ou ilícitos) a escola também tem o dever de fazer a ocorrência policial.

COMO OS PAIS E PROFESSORES PODEM AJUDAR AS VÍTIMAS DE BULLYING A SUPERAR O SOFRIMENTO?
A identificação precoce do bullying pelos responsáveis (pais e professores) é de suma importância.
A observação dos pais sobre o comportamento dos filhos é fundamental, bem como o diálogo franco entre eles.
Os adultos devem sempre estimulá-los e procurar métodos eficazes para que essas habilidades possam resgatar sua autoestima.


Fonte: Sepromi – Governador Mangabeira, 2016.
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D