quinta-feira, 19 de julho de 2012

Professores de universidades federais decidem manter greve na BA

Os professores das universidades federais na Bahia decidiram, durante assembleia realizada nesta quarta-feira (18), manter a greve da categoria, que dura mais de 40 dias. O estado possui três instituições de ensino superior federais: a Universidade Federal da Bahia (UFBA), a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e a Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf).
Segundo Miguel Acioly, coordenador da comissão de comunicação do comando greve, a proposta do governo não trouxe ganhos salariais para os docentes. “Ela apresenta perdas salariais e não ganhos, para várias categorias. Algumas categorias têm ganhos salariais pequenos e outras têm perdas salariais. A mudança de nível na carreira também não tem lógica, não explica o motivo de em um determinado nível você ter aumento de 6% e em outro 10%”, explica Acioly. Fonte: G1 Bahia
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D