quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Dilma anuncia duas novas universidades federais na BA

A Bahia levou duas das quatro novas universidades federais anunciadas na terça-feira, 16, no Palácio do Planalto pela presidente Dilma Rousseff, mas terá que arregaçar as mangas para suprir sua histórica defasagem: ao lado do Ceará, é o estado com pior índice de vagas em universidades federais por mil habitantes.
As duas novas instituições anunciadas são: a Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufoba), com sede em Barreiras, e a Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba), sede em Itabuna.
O pacote anunciado na terça pela presidente Dilma inclui, na parte da Bahia, as duas universidades novas, mais nove novos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFET’s), com unidades em Xique-Xique, Serrinha, Itaberaba, Alagoinhas, Santo Antonio de Jesus, Brumado, Lauro de Freitas, Juazeiro e Euclides da Cunha.
As universidades terão campi em Itabuna, Porto Seguro, Teixeira de Freitas, Barra, Bom Jesus da Lapa, Barreiras e Luis Eduardo Magalhães (Ufoba). Completam o pacote uma extensão da Universidade Federal da Bahia (Ufba) em Camaçari, e uma extensão da Universidade Federal do Recôncavo (UFRB) em Feira de Santana.
O número de vagas, investimentos e cursos ainda estão para ser definidos, já que a criação das universidades precisa passar primeiro pelo Congresso Nacional.
“É uma expansão importante, um momento de muito entusiasmo”, comemorou o governador Jaques Wagner (PT), “mas nos faz pensar sobre como os governos anteriores, que sempre tiveram hegemonia nacional, permitiram que o estado permanecesse com uma única universidade federal por 60 anos”. Fonte: A Tarde
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D