Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2014

Colégio Estadual Professor Edgard Santos, realiza palestra sobre História do Continente Africano

Imagem
Ontem (23/07/2014), o  Colégio Estadual Professor Edgard Santos - CEPES , do município de Governador Mangabeira, promoveu com os alunos das turmas do 1º ano do ensino médio uma palestra sobre a História do Continente Africano. A mencionada palestra foi ministrada pelo Professor de História da África da UFRB,  Juvenal de Carvalho , o qual é o autor do livro " Uma Conversa Sobre as Áfricas" , livro este que foi adotado como paradidático pelo  Professor Borges  da disciplina História, nas citadas turmas. Durante a atividade o Professor Juvenal, explicou os objetivos pelos quais o livro foi produzido, bem como, respondeu as diversas perguntas dos estudantes acerca do conteúdo do livro, que prioriza a História e Cultura Afrobrasileira e Africana, narrada através de um diálogo entre os personagens Senhor Didi (um ancião) e Nascimento (um jovem). No final do evento o professor Borges, mentor da atividade, agradeceu e parabenizou o Professor Juvenal pela brilhant

SEPROMI REALIZA PALESTRA SOBRE SAÚDE DA MULHER EM ASSOCIAÇÃO DO BAIRRO DO PORTÃO

Imagem
Aconteceu ontem a noite (17/07), na Associação Lar da Solidariedade localizada no Bairro do Portão e presidida pela Professora Julieta Rezende , mais uma palestra relacionada à Saúde da Mulher promovida pela SEPROMI – Secretaria Municipal de Promoção da Igualdade em parceria com a Secretaria de Saúde. O palestrante da noite foi o jovem Enfermeiro Tiago de Moura Santana , este que abordou com muita propriedade os seguintes temas como: a importância do exame preventivo e da mulher se auto examinar, ações preventivas para evitar o câncer de mama e de útero, métodos contraceptivos contra a gravidez indesejada e outros.   A palestra foi realizada através de uma parceria entre o Departamento de Mulheres da SEPROMI, a Associação Lar da Solidariedade e a Secretaria Municipal de Saúde. Gostaria de parabenizar a professora Julieta Rezende pela organização da associação, agradecer ao Enfermeiro Tiago Santana pela belíssima palestra e agradecer a toda equipe da SEPROMI na figura de Idaiane

Flanelinha é aprovado em vestibular da UnB e vira exemplo de superação

Imagem
Depois de quase 30 anos sem estudar, um flanelinha em Brasília conquistou o direito de mudar o trabalho. O José Mário saiu do Maranhão, foi tentar a sorte em Brasília e agora é um exemplo de superação. Essa é uma história para contrariar os desanimados, os pessimistas, aqueles que acham que não dá para mudar nada na vida, que o tempo passou. Aos 52 anos, José Mário é o novo aluno da Universidade de Brasília. Há nove anos, José Mário largou o emprego de fundidor de alumínio em uma fábrica de São Luiz, no Maranhão, e foi para Brasília em busca de uma vida melhor. Tentou, mas não conseguiu. Sem muita opção, virou flanelinha e encarou muito preconceito. “Não nos aceitavam como profissão, nem como função, e sim como uma maneira de mendigar uma moeda. Isso me entristecia”, afirma o universitário José Mário Silva dos Santos. No começo do ano, José Mario resolveu mudar mais uma vez. Decidiu investir nos estudos. Foi em um cursinho e pediu uma bolsa ao coordenador. “No primeiro momento, a

Sobre Gansos e Equipes

Imagem
Quando você vê gansos voando em forma de “V”, pode ficar curioso quanto as razões pelas quais eles escolheram voar dessa forma. A seguir, algumas descobertas feitas pelos cientistas: FATO 1: A medida em que cada ave bate suas asas, ela orla uma sustentação para a ave seguinte. Voando em formação “V”, o grupo inteiro consegue voar pelo menos 71% a mais que se cada ave voasse isoladamente.  VERDADE: Pessoas que compartilham uma direção comum a um senso de equipe chegam ao seu destino mais depressa e facilmente porque elas se apoiam na confiança das outras. FATO 2: Sempre que um ganso sai da formação, ele repentinamente sente a resistência arrasto de tentar voar só e, de imediato, retorna à formação para tirar vantagem do poder de sustentação da ave à sua frente.  VERDADE: Existe força, poder e segurança em grupo quando se viaja na mesma direção com pessoas que compartilham um objeto comum.  FATO 3: Quando o ganso líder se cansa , ele reveza, indo para a traseir

Quem foi Maria Felipa?

Imagem
Maria Felipa igura de destaque nas batalhas pela independência ocorridas em Itaparica, Maria Felipa de Oliveira é descrita como uma negra alta e audaz que, sendo uma forte liderança em sua comunidade, tornou-se fundamental na organização da resistência insular. Segundo depoimentos, ela nasceu na Rua das Gameleiras dentro do município de Itaparica e morou num casarão chamado de “convento” na Ponta das Baleias. Os quartos do prédio eram alugados para pescadores, marisqueiras, armadores entre outros. É descrita sempre vestida com saia rodada, bata, torso e chinelas. Sem data de nascimento definida, a Profª. Filomena Modesto Orge do Instituto Afrânio Peixoto, que elaborou o retrato da Heroína de acordo com descrições contidas nos relatos orais colhidos acredita que ela seja descente de escravos sudaneses. Liderando um grupo de mulheres e homens de diferentes classes e etnias, a Heroína Negra da Independência, como é conhecida, organizou o envio de mantimentos para o Recôncavo, como t