Supremo fixa piso salarial dos professores da rede pública

O Supremo Tribunal Federal considerou constitucional a fixação do piso salarial dos professores da rede pública. A lei que criou o piso foi aprovada pelo Congresso em 2008, mas foi contestada por cinco governadores, que alegaram não ter como pagar. O Supremo também decidiu que não é permitido incluir gratificações e vantagens para completar o valor do piso, que hoje é de R$ 1.187.
Fonte: JN

Comentários