Explosão de usina aumenta preocupação com consequências do terremoto no Japão

Uma explosão na usina nuclear de Fukushima, no Japão, aumentou a preocupação mundial com as consequências do terremoto e do tsunami desta sexta-feira.
Desde o momento do terremoto, uma das principais preocupações dos japoneses foi com a integridade das usinas nucleares. Principalmente com a de Fukushima, a mais próxima ao epicentro.
Sem eletricidade, houve um desligamento do sistema de refrigeração, e técnicos tentavam conter a pressão do vapor que se acumulava.
Foi decretada uma zona de exclusão num raio de dez quilômetros de uma das usinas, e 50 mil moradores retirados da região.
As 16h, 4h da manhã pelo horário de Brasília, uma câmera de segurança registrou a explosão e a nuvem de fumaça no reator número um de Fukushima.
Quatro técnicos da usina ficaram feridos. Imediatamente, a zona de exclusão foi ampliada para 20 quilômetros.
O primeiro-ministro Naoto Kan admitiu que houve falhas nos sistemas de emergência que deveriam manter o funcionamento da refrigeração mesmo em caso de corte de energia.
Fonte: JN

Comentários