sexta-feira, 29 de novembro de 2013

IBGE apresenta retrato da qualidade de vida dos brasileiros

IBGE divulgou nesta sexta-feira (29) um retrato de como vivem os brasileiros. A síntese dos indicadores sociais examina aspectos como condições de trabalho, saúde e educação, e se baseia na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2012. 
As desigualdades começam cedo, aos quatro, cinco anos. No grupo dos mais ricos, a porcentagem de crianças fora da pré-escola, em dez anos, caiu pela metade. Já entre os mais pobres, também houve uma queda, mas quase 30% das crianças nessa faixa etária ainda estão fora da escola.
Nas condições de moradia, grandes e velhos desafios precisam ser vencidos. O número de pessoas que vivem em locais sem rede de esgoto, de água, coleta de lixo e iluminação pública diminuiu. Porém, o estudo também constatou que 30% das casas, nas áreas urbanas, nas cidades brasileiras, ainda não têm todos esses serviços básicos.
Outro dado que preocupa: um em cada cinco jovens com idades entre 15 e 29 anos não estuda nem trabalha. A proporção de mulheres nesse grupo é grande: 70%. Entre elas, a maioria tem pelo menos um filho.
A população aumentou e envelheceu. Já o número de leitos em hospitais públicos e particulares encolheu. A queda, em dez anos, foi de 23%. A maior redução, de quase 33%, aconteceu na região Centro-Oeste. Fonte: JN
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D