domingo, 28 de abril de 2013

Lavrador colhe mandioca gigante e raiz vira atração no interior da Bahia


É a segunda vez em seus 71 anos que o aposentado e lavrador Manoel Teodoro de Santana Filho, conhecido como Neném de Benta, colhe uma raiz de mandioca gigante, como aconteceu na manhã deste sábado (27). Por volta das 9h, ele retirou da terra do quintal de sua casa, na cidade de Acajutiba, a quase 200 km de Salvador, cerca de 2,54 cm da raiz.
"Na primeira vez, eu era 'filho de família' quando assisti meu pai colher um pé de mandioca, que era até maior que essa, só que mais delgada, fina. Essa chamou muito a atenção porque é muito grossa e tem duas mandiocas em uma", relatou, em conversa com o G1.
A raiz foi posta na porta de casa para a visita dos moradores da pequena cidade de pouco mais de 14 mil habitantes, segundo o IBEGE. "Coloquei na frente de casa, o povo chega e tira retrato", conta. Ele comenta que a terra nem havia sido adubada e atribui o feito ao que restou de uma obra feita pelo vizinho. "Os torrões da casa velha que demoliu serviu de adubo", disse.
Com a mandioca, os planos agora são fazer muitos bolos de puba, que é a massa extraída da raiz. Para isso, é preciso que ela apodreca, como ele mesmo descreve. "Bota no vaso d´água e em três, quatro dias está podre. Aí a pessoa lava, purifica e faz o bolo, muito apreciado". Quem vai preparar a receita é a própria esposa que, segundo ele, é uma boleira conhecida da cidade.
"Em pleno tempo ruim [de seca], fizemos essa colheita importantíssima. Acajutiba é muito rica. Graças a Deus, gosto muito de morar aqui, é o lugar que nasci", diz Manoel Filho. Ele tem três filhos, uma professora, residente da cidade, e duas outras, que moram no Rio de Janeiro e na Alemanha. Fonte: G1 Bahia
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D