domingo, 31 de março de 2013

GGB repudia declaração da cantora Joelma contra o casamento gay

O Grupo Gay da Bahia (GGB) emitiu neste sábado, 30, nota de repúdio contra as declarações da cantora Joelma, vocalista da banda Calypso, contra o casamento gay. Segundo a nota, as declarações da artista sobre orientação sexual, homossexualidade e LGBTs presta um desserviço à sociedade e estimula a intolerância coletiva contra cerca de 10% da população brasileira.
"Como se não bastasse a homofobia e racismo do deputado Marcos Feliciano, titular da Comissão de Direitos Humanos do Congresso Nacional, vem a cantora sob uma pseudo interpretação da bíblia, acusar e discriminar os LGBTs", lamenta Marcelo Cerqueira, presidente do GGB.
A polêmica teve inicio quando a cantora foi perguntada por uma revista de circulação nacional sobre a legião de fãs gays, que inclusive fazem dublagem de suas músicas em boates e casas de shows. Joelma foi categórica na sua afirmação intolerante. "Tenho muitos, mas a Bíblia diz que o casamento gay não é correto, e sou contra". A cantora acrescentou que, caso tivesse um filho gay, "lutaria até a morte para fazer sua conversão". Na mesma entrevista, Joelma ainda disse já ter visto muitos gays se regenerarem. "Conheço mães que sofrem pelos filhos gays. É como um drogado tentando se recuperar".
O presidente do GGB reforça que em uma democracia todos tem direito a expressar seus pontos de vista, mas esse direito tem um limite, que é o do respeito ao outro: "Como formadora de opinião e, ainda, vangloriando-se de uma pseudo fé cristã, ela não tem o direito de semear o ódio contra uma população que já sofre por tanta incompreensão", afirma Cerqueira. Fonte: A Tarde
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D