terça-feira, 5 de julho de 2011

TJ da Bahia faz mutirão para incluir nome dos pais em certidões

Uma pesquisa mostrou que milhares de crianças, em todo o Brasil, não têm o nome do pai na certidão de nascimento. Agora a Justiça está atrás deles. Somente em Salvador, 45 mil estudantes de escolas públicas e particulares com menos de 18 anos não têm o nome do pai na certidão de nascimento.
Por isso, o Tribunal de Justiça da Bahia está enviando para as casas um formulário, onde elas devem informar o nome e endereço do suposto pai até o dia 31 de julho. Este formulário deve ser entregue nos cartórios das varas de família e nos balcões de Justiça e Cidadania. O suposto pai, ao se apresentar à Justiça, deve informar se reconhece o filho. Quando houver dúvida, o juiz pode determinar que seja realizado o exame de DNA. Fonte: Bom Dia Brasil
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D