quinta-feira, 2 de junho de 2011

Dilma anuncia plano contra a miséria que amplia o Bolsa Família

O governo lançou nesta quinta-feira (2) o programa Brasil sem Miséria, uma ampliação do Bolsa Família. Além de dinheiro, o programa vai oferecer capacitação profissional.
A meta é tirar 16,2 milhões brasileiros da extrema pobreza. São os que vivem em famílias com renda de até R$ 70 por pessoa. É o mesmo valor já usado no Bolsa Família.
O governo se baseou em dados do IBGE para traçar o mapa da extrema pobreza no país. Desses, 76% vive no Norte e no Nordeste, 51% tem até 19 anos e 71% são pretos e pardos.
Entre os 16 milhões a serem beneficiados, muitos já recebem algum tipo de assistência, mas ainda continuam muito pobres. Por isso, o Bolsa Família será ampliado e novos programas estão sendo criados para que essa parcela da população consiga melhorar de vida. O custo total do programa, incluindo o atual Bolsa Família, será de R$ 20 bilhões por ano, recursos vindos do tesouro. O prazo de execução do programa é até 2014.
Até 2013, mais 800 mil famílias passarão a receber o Bolsa Família. Outra mudança: antes, cada família recebia R$ 32 para cada filho de até 14 anos, até o limite de três filhos por família. Agora, o auxílio será pago para até cinco filhos. Fonte: JN
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D