terça-feira, 10 de maio de 2011

Atendimento tranquilo no primeiro dia sem greve da saúde

Os pacientes que chegaram ao Hospital Roberto Santos, no Cabula, nesta terça-feira, 10, não tiveram problemas no primeiro dia de atendimento na rede de saúde pública da Bahia após sete dias de greve. A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) informou, por meio de sua assessoria de comunicação, que o atendimento na rede pública ocorre sem problemas na manhã de hoje, com hospitais e postos realizando atendimentos sem demanda extra.
A dona de casa Sônia Bispo, de 38 anos, moradora de Crisópolis, disse que não sabia da greve. “Fiquei até triste, porque viajei quatro horas e ia ter a viagem perdida. Mas quando cheguei aqui, soube que já tinha acabado. A consulta com o cirurgião foi rápida”, disse.
A também dona de casa Silvia Batista, de 27 anos, que foi levar o filho de cinco anos ao cardiologista, também não teve problemas. “A consulta estava marcada há três meses e eu não sabia da greve. O atendimento foi normal, o consultório estava vazio, não tive dificuldades”, afirmou. 
Acordo – De acordo com o presidente do Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed), José Cayres, o fim da greve foi decidido ontem após reunião com o titular da pasta de Saúde do Estado, o secretário Jorge Solla.
“O governo assegurou o pagamento de R$ 3.300 para a Gratificação de Incentivo ao Desempenho (GID) total até julho, ou parcial, com o restante no mês de outubro. Também ficou decidido que o governador Jaques Wagner vai receber as entidades assim que voltar de viagem para discutir a questão do salário base, que é de R$ 683”, afirmou Cayres. Fonte: Atarde
Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professor Borges Todos os direitos reservados © 2017 Ulisses D